Desencanto em Dó Menor

Rui Miguel Almeida

Comprar na WOOK
sinopse
«Estou prestes a fazer 18 anos de vida e debato-me, neste momento, com uma terrível depressão. Odeio o meu aniversário!»

Diogo é um adolescente como todos os outros: cheio de perguntas e pleno de convicções. Através das páginas do seu diário vamos conhecendo as angústias, sonhos e tumultos interiores típicos dessa fase da vida.

Analisando o mundo que o rodeia, Diogo sente que os dias bons na sua vida parecem ter terminado de forma demasiado rápida, sem que ele o conseguisse evitar. Apanhado de surpresa, resta-lhe entrar de cabeça no mundo adulto, que antevê sombrio, monótono e castrador.

Um retrato da adolescência na primeira pessoa, discorrendo sobre a amizade, o amor, as escolhas que têm de ser feitas e que condicionarão um futuro a temer.
Rui Miguel Almeida
Nascido em Coimbra em 1975, viveu quase sempre em Aveiro, que sente como a sua cidade. Aos 10 anos, pedia dinheiro para gelados e voltava com livros de quadradinhos. Aos 15, jurava a pés juntos jamais usar fato e gravata, casar e ter filhos. Passou bem ao lado de uma carreira no futebol, e ainda mais ao lado de outra no rock n’roll, após descobrir que era melhor a tocar uma régua de 50 cms que uma guitarra. Além da literatura, as suas grandes paixões são a música e a fotografia. Adora futebol, praia e viajar. Os seus primeiros textos foram poemas apaixonados, de onde transitou para os amargurados. Aos 18 escrevinhou o seu primeiro trabalho de ficção, ao qual foi somando vários outros, todos a repousar na gaveta. "O diário do meu suicídio" é a primeira obra que publica. Presentemente, usa fato e gravata, é casado e tem dois filhos. Há muito que deixou de jurar a pés juntos.
Ano de edição ou reimpressão: 2018
Editor: Coolbooks
ISBN: 978-989-766-164-8
Idioma: Português
Número de páginas (estimadas): 258